1 de fevereiro de 2012 § Deixe um comentário

E ontem me permiti sentir saudades suas.

Já fazia tanto tempo que eu quase não me lembrava da sensação, a tristeza e o êxtase, a mistura colorida de alegria e infelicidade ao me deparar com o vazio existente por detrás das pálpebras que se abriram, depois de te enxergar de novo ao lado meu. Deixei-me ouvir as músicas mais tristes, ler os poemas mais antigos, repensar cada detalhe, cada segundo, cada cílio seu, tão perto e tão distante. Narrei em minha mente nossos diálogos, os falsos e os verdadeiros, esforçando-me para recordar de cada palavra sua, a forma como seus olhos mudavam de cor com a luz do sol. Tentei sentir na pele seu toque, mas esse é o tipo de coisa que desaparece com o tempo, o que o vento, que arrasta consigo as páginas do calendário, faz questão de despistar. Delineei em meus devaneios seus lábios rosados, sua face branca, seu cabelo alaranjado. Reformulei meus gestos, fiz questão de reformar os momentos impensados. Nossa história devia ser perfeita, estava escrito, eu sabia. Mas alguém a apagou. Não sei dizer quem, assim como não sei dizer o que eu faço com esse poço sem fundo que resolveu habitar meu peito desde que você se foi. E o pior, o que me mata, é saber que tudo aquilo que eu planejei, tudo aquilo que eu esbocei, não passou de um rascunho que eu recrio durante a noite dentro de minha cabeça. Eu só queria que você entendesse, que você enxergasse. Eu só queria que não doesse tanto.

Guardei os desejos dentro de uma caixa, enterrei-a debaixo da cama e fui dormir. Não sei dizer se sonhei contigo, mas a verdade é que eu nem preciso disso para ver seu rosto assim que desperto – ele já é a primeira coisa que aborda minha mente pela manhã. As lágrimas estão seguras aqui dentro, e eu sei que se te ver na rua não vou me aproximar. Apenas desejar que tudo tivesse sido diferente, voltar para casa, me encolher num canto, e devorar as memórias que eu construí para nós dois.

Anúncios

Marcado:, , ,

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

O que é isso?

Você está lendo no momento no o segundo sol.

Meta

%d blogueiros gostam disto: